Atendimento : (11) 3279-8571 - 3279-8572 - WhatsApp

  • Fale Conosco

    Fale Conosco

  • Dúvidas

    Dúvidas

  • Login

    Login

  • Cadastro

    Cadastro

meu carrinho

Carrinho

0 itens
R$ 0,00

acessar carrinho

0 itens no Kit

Notícia

Quatro dicas para seu filho ler mais

Saiba como você pode influenciar no gosto pela leitura de seus filhos



facebook

Foto: Shutterstock

Inúmeros pais relatam uma certa angústia por seus filhos dedicarem mais tempo a videogames e redes sociais do que à leitura de livros. Mas será que as crianças têm mesmo acesso aos livros ou os encaram como lazer? Pensando nisso, a professora Vivian Rio Stella, da VRS Cursos (www.vrscursos.com.br) elenca quatro práticas que ajudam a incentivar a leitura das crianças - algo que, se consolidado, tende a se tornar um bom hábito por toda a vida.

1. Presenteie com livros: embora os brinquedos tenham um apelo incrível, dar livros é um grande passo para que as crianças encarem a leitura como um tipo de diversão, e não apenas obrigação ou parte do currículo escolar. Se não tiver ideia do que comprar, peça indicação na livraria, escolha um livro que te chame a atenção ou compre um best-seller.

2. Faça da livraria um programa: a criança precisa encarar a leitura como algo divertido e que dá muito prazer. Por que, então, não levá-la para uma livraria e deixá-la ter contato com os livros, folhear, escolher? Aproveite também a Bienal do Livro, feiras de quadrinhos, festas literárias ou eventos relacionados à leitura para já ir familiarizando os pequenos com o universo da leitura.

3. Leia na frente das crianças: os pais são o principal modelo para os filhos, portanto, se você não é visto como um leitor, não dá para cobrar que eles o sejam, certo? Mostre que você lê com frequência - e que ler diversas fontes de informação ou tipos de livros ajuda a se manter atualizado.

4. Conte e fale sobre as histórias: leia para seus filhos, relate o que está lendo, peça para que a criança conte o que está lendo, do que mais gostou, do que menos agradou. Incluir o universo da literatura nas conversas pode ser um ótimo pretexto para estimular as crianças a ir buscar mais e mais histórias. E livros!